Jornadas Economia de Defesa 2020

//Jornadas Economia de Defesa 2020
Página atualizada em 28/09/2020.

A idD – Portugal Defence, no âmbito da sua atividade de apoio às entidades nacionais que integram a Base Tecnológica e Industrial de Defesa (BTID), vem por este meio divulgar a realização das Jornadas sobre Economia de Defesa 2020, organizadas pelo Ministério da Defesa Nacional e a Associação EuroDefense Portugal, em parceria com a idD – Portugal Defence, o IDN – Instituto de Defesa Nacional e AIP – Associação Industrial de Portuguesa, que se realiza nos dias 10 a 11 de novembro de 2020, no Forte de São Julião da Barra, em Oeiras.

As entidades que desejem participar nesta ação através da exposição no Forte de São Julião da Barra deverão preencher o seguinte formulário, até ao próximo dia 15 de outubro de 2020.

Na expectativa de que esta informação seja útil à atividade da entidade que representa, ficamos desde já, disponíveis para esclarecer qualquer dúvida ou para prestar informações adicionais tidas por convenientes, através do correio eletrónico info@iddportugal.pt.

PROGRAMA JORNADAS SOBRE ECONOMIA DE DEFESA 2020

INFORMAÇÃO ÚTIL PARA CONSULTA

NOTAS:

  • Existe espaço na galeria interior do Forte para acomodar entre 14 a 20 espaços para exposição, medidas de 2,00m x1,80m, para garantir 2,00m para circulação;
  • O FSJB tem potência elétrica suficiente para o evento e em caso de necessidade pode-se disponibilizar corrente trifásica. No entanto existem poucas tomadas, apenas uma tomada por sala, tendo de se colocar extensões e calhas para alimentar eletricamente os espaços do corredor;
  • Os quadrados ilustrativos dos stands não estarem à escala;
  • As entradas e saídas, sempre que exequível, devem ter circuitos próprios e separados, evitando o contacto entre pessoas;
  • A entrada de pessoas deve ser efetuada de forma individual e espaçada, de forma a garantir o distanciamento de pelo menos 2 metros entre pessoas, excetuando-se pessoas que sejam coabitantes;
  • Deve ser criado ou reforçado um circuito formal de visita, preferencialmente com circuitos de sentido único (limitando a visita de espaços exíguos e minimizando o cruzamento de visitantes em pontos de estrangulamento).

– Sugerimos que:

  • Esteja presente apenas uma pessoa, por entidade, em cada espaço de exposição;
  • Uma vez que os elementos das entidades poderão ter de permanecer nos espaços por algumas horas, que sejam estabelecidas distâncias de 2,50m entre cada espaço ou no mínimo de 2,00m;
  • Em cada sala entrem apenas 2 visitantes, máximo 3, em simultâneo, mas para stands diferentes (1 visitante por 20m2 e cada sala tem cerca de 58m2).
2020-10-26T10:02:18+00:0015 de Setembro, 2020|