idD e CLUSTER TÊXTIL assinam protocolo para apoiar exportação dos têxteis técnicos portugueses

//idD e CLUSTER TÊXTIL assinam protocolo para apoiar exportação dos têxteis técnicos portugueses

A idD – Plataforma das Indústrias de Defesa Nacionais e o CLUSTER TÊXTIL: Tecnologia e Moda assinaram ontem um Protocolo de Cooperação com vista a apoiar a inovação e internacionalização das empresas do CLUSTER TÊXTIL, na área da Defesa.

O Protocolo prevê a realização de iniciativas conjuntas em vários domínios, que promovam o desenvolvimento de estratégias de internacionalização das empresas nacionais e a dinamização de projetos comuns com outras entidades de interesse público, atuando em rede através de intercâmbios.

As partes realizarão ações de promoção e divulgação, nacional e internacional, das empresas do CLUSTER TÊXTIL na área da Defesa, incluindo as que integram a Base Tecnológica e Industrial de Defesa, bem como ações de formação e ações no âmbito da Economia de Defesa que auxiliem no desenvolvimento de capacidades militares.

Entre os projetos de desenvolvimento abrangidos neste Protocolo encontram-se: o Programa dos Sistemas de Combate do Soldado que visa dotar o militar com todos os equipamentos de combate utilizados de forma integrada, o projeto Advanced Combat Uniform que visou o desenvolvimento do novo padrão de camuflado multiterreno e respetivo uniforme de guarnição e o Projeto Auxdefense, financiado pelo Ministério da Defesa Nacional e que tem como objetivo o desenvolvimento de equipamentos de proteção individual avançados.

O Protocolo prevê, ainda, o apoio e a promoção do CLUSTER TÊXTIL no âmbito do desenvolvimento das capacidades industriais que venha a resultar da participação deste cluster nos projetos cooperativos de investigação e desenvolvimento da Agência Europeia de Defesa (EDA), “Adaptive Camouflage for the Soldier II” e “Ultralight Modular Bullet Proof Integral Solution for Dismounted Soldier Protection”. Estes projetos têm como objetivo desenvolver uma camuflagem adaptativa para a proteção do soldado e uma nova solução integral, leve e modular à prova de balas, que integrará um sistema de deteção CBRN (chemical, biological, radiological and nuclear).

Recorde-se que o CLUSTER TÊXTIL,  tem como Visão constituir-se num dos mais competitivos a nível mundial na investigação, concepção, desenvolvimento, fabricação e comercialização de produtos têxteis e vestuário. Constituído por 39 empresas e 15 entidades não empresariais tem implementados 9 Grupos de Interesse Especial (SIG) em diferentes áreas temáticas, com o objetivo comum de reflexão e formulação estratégica para o desenvolvimento de agendas de inovação com visão a 2030 bem como potenciar as competências e capacidades Nacionais com vista à identificação de oportunidades e desafios futuros.

Esta parceria com a idD surge como resultado do trabalho realizado no âmbito do SIG Militar e Proteção, constituído por 16 empresas e 5 entidades não empresariais.

Os têxteis técnicos portugueses têm-se distinguido pela inovação dos materiais e pela sua aplicação na defesa, na proteção em geral, no combate a fogos, indústria automóvel e no desporto de competição, entre outras.

O Protocolo será válido por um período de três anos.

2018-12-19T16:36:02+00:0019 de Dezembro, 2018|